Assine e recebar nossa Newsletter..... E-mail*
Nome
01 02 03 04 05

Cursos

Cura Nativa Image

Com o objetivo de desperta em cada participante a capacidade de perceber e interagir com o mundo sutil, atraveis de práticas xamânicas... Saiba mais

Tambores

Construção de Tambores Nativos Image

Os primeiros tambores no Brasil foram construídos por Tony Paixão em 1992. O tambor é usado para entrar em contato com as forças espirituais ...

Saiba mais

Cerimônias

Despertar de um mode de vida Image

Cada cerimônia é um antigo modo de criar um espaço sagrado, onde cada um tem a oportunidade de esta em contato com o sagrado que habita ...

Saiba mais

 

Seja bem vindo!

Acredito que cada um de nós, em um dado momento da vida busca entrar em contato com nosso Self, o sagrado que habita cada um de nós. Através das antigas práticas nativas de cura e modo de vida nativo, temos uma grande ferramenta para o aperfeiçoamento dos nossos sentidos e despertar capacidades que estão latentes, como visão, olfato, audição e toque.  Cada ser humano ver o mundo de uma maneira única, isto quer dizer que somos únicos no universo, não existe outro ser como nós, somos uma essência divina, assim como cada coisa da criação este processo contínuo da vida flui de uma fonte inesgotável. Esta jornada é o que chamamos de vida.

Seja bem vindo a esta jornada de autoconhecimento
Tony Paixão

 

O modo de vida nativo

Desde o princípio os povos nativos americanos tiveram um profundo conhecimento com as energias do Criador, o que se entendia de Maná. Para os Lakotas era conhecido como Wankan, para os Cheyennes Maheó o grande sagrado, uma “força mágica”. Força essa, invisível e intocável, um sopro. Esta força inteligente, sem ser um espírito específico, capaz de ter a expressão da avó de todas as ideias e de todos os espíritos. A essência de todas as coisas. Dela deriva o valor de uma pessoa, e junto sua importância mágica, religiosa e social.
Tudo é sagrado, mas alguns lugares, pessoas, e cerimônias, contém mais ou menos quantidade dessa força espiritual. As antigas culturas em contato com o mundo natural foram sociedades tipicamente animistas, termo derivado do latim “anima” que significa “alma”, estas culturas sustentavam a crença de que todas as coisas possuem uma alma, espírito, energia.
A força mágica espiritual flui através do sagrado. A Mãe terra está viva. Ela é a expressão da vida. Nós somos os seres que nascemos dela, somos parte dela. Nossos corpos estão compostos dos mesmos minerais que compõem o corpo da Mãe Terra. Igualmente como o nosso espírito e alma, é uma parte do espírito e da alma da Mãe Terra. Até mesmo as pedras estão vivas da mesma forma que os ossos em nossos corpos estão vivos. Esta é uma parte importante na filosofia nativa, estamos ligados a tudo no universo. Estamos ligados com tudo que nos relacionamos.

 

 

Encontros Regulares


Fogueira do Conselho
Encntros todas as quintas -feiras
Canções, orações , ritos nativos.
Venha partilhar deste momento sagrado
atraveis do conhecimento dos povos ancestrais nativos.


Horário: De 20:00 às 22:00
Local: 
Wigwan Miigisi – Casa da Águia: Rua Capuri, nº 376, 
São Conrado (rua a direita logo após a Vila Riso)
Troca: R$ 30,00



O GUERREIRO ESPIRITUAL
Clear Eyes - Frances Vandine

 

Eu sou o Guardião do Fogo Sagrado... o Fogo de purificação!
Eu sou a flecha flamejante... o Guardião da Chama!
Eu atravessei o Grande Mistério e eu toquei a face do Grande Espírito!

Eu voei nas asas de Águia e do Corvo.
Eu enfrentei meus medos, chorei lágrimas de dor, de lembranças, pesares, paz e alegria.  Eu senti o poder.

A Roda de Medicina sempre gira e eu aprendo com as quatro direções.
Eu sentei em fogos de conselho com os Avôs.
Eu respondi o chamada dos... ancestrais!

Eu entrei no silêncio para ter minha visão... 
a visão dos cachimbos cruzados.
Eu fui alimentado no ninho pela Águia.
Eu cruzei o rio chorando lagrimas de alegria.

Eu respondo ao chamada da Mulher Sagrada...
Eu escuto as antigas canções dela, e lentamente golpeio meu tambor
em oração para o coração de Mãe terra.
Nós cantamos as canções juntos...

Minha missão é a Paz, porque eu sou o guerreiro espiritual.
Eu monto nas asas negras do Corvo no Grande Mistério
e volto nas asas calmas da pomba branca.

Eu sou o guerreiro espiritual!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Home - Galeria de fotos - Biografia - Cursos - Tambores - Cerimônias - Agenda - Contato